Arquivo mensal: junho 2016

CTC Santa Cruz das Palmeiras – Ação Solidária

Menina dos olhos da Fetcesp, o CTC de Santa Cruz das Palmeiras tem fecundo serviço prestado aos associados e à população da cidade. Uma série enorme de atividades é desenvolvida no Círculo. Em sua carta ao boletim Forças Novas (acompanhada de fotos), a secretária da entidade, Maria Inês Colombo Lobo, diz: “Estamos trabalhando muito na confecção de pamonhas e doces de compota e o artesanato está cada vez mais bonito e caprichado, pois, com a crise que está abalando o país, com muitas pessoas desempregadas e passando necessidades, estamos doando cestas básicas que são adquiridas com a venda dos produtos que fabricamos”. Depois perguntam porque estamos sempre elogiando nossas companheiras de Santa Cruz das Palmeiras! A presidente é Amália Maria Marin.

sta cruz palmeiras IMG_05000004

Voluntárias de Santa Cruz das Palmeiras capricham na confecção de pamonhas, que se revertem em cestas básicas.


sta cruz palmeiras IMG_05030005

C.O. Itapema – Educação Infantil

itapema DSCF58540001

Alunos do C.O. Itapema comemoram a Páscoa

Melhor escola infantil da região, o educandário mantido pelo C. O. de Itapema não deixa passar nenhuma data festiva do calendário sem promover evento específico. Foi assim na Páscoa deste ano, quando professores, coordenadores e alunos apresentaram um espetáculo teatral narrando o verdadeiro significado da data. A presidente do COI é Marcia Quirino dos Santos.

Terceira Idade – um novo nicho

Corroborando com as propostas da Fetcesp, a Folha de S. Paulo publicou recentemente reportagem de Eulina de Oliveira, mostrando o crescimento de alunos com idade superior a
60 anos nas academias de ginástica da cidade. O percentual passou de menos de 5% há 10 anos para mais de 30% nos dias atuais. E a tendência é de crescimento contínuo, posto que em 2004 a população maior de 60 anos era de 9,7% e hoje é de 13,7%, com previsão de chegar a 18,6% em 2030. Além de ocuparem fatia maior, os idosos viverão mais. A expectativa de vida hoje é 75,2 anos e deverá chegar a 78 anos daqui a 15 anos.  main

Como se vê na matéria da Folha, a terceira idade é a bola da vez. Faz-se necessário, portanto, que o Movimento Circulista não deixe passar esta rara oportunidade. Com nossa tradição de serviços aos trabalhadores, podemos preencher uma lacuna que dificilmente o governo irá atender, principalmente nas periferias, onde as questões do idoso ganham um relevo maior e mais dramático.