CO Santa Rita do Passa Quatro – nova diretoria

Depois de investir por mais de 10 anos no levantamento do Círculo Operário de Santa Rita do Passa Quatro, colaborando com as três últimas diretorias eleitas, tanto em apoio logístico como financeiramente, a Fetcesp decidiu, em vista do insucesso da empreitada, administrar o filiado diretamente, formando chapa para concorrer às eleições marcadas para 30 de agosto.

Seguindo o que determina os estatutos sociais do COS, foram publicados dentro das datas previstas os editais de eleição, assim como comunicados estimulando possíveis circulistas santarritenses a formar chapas e concorrer no pleito. Como era de se esperar, nenhuma chapa se apresentou e aquela registrada pela Fetcesp foi eleita por aclamação.

Cópia de IMG_73130010

Vera Lucia V. Façanha, João Rosa, Newton Zadra e Renato Chiantelli ao lado da nova diretoria

A diretoria e conselho fiscal do Círculo Operário Santarrritense – COS – ficaram assim constituídos: Diretoria: Presidente – Newton Zadra,  Vice- presidente – José Antonio dos Santos, 1º Secretário – Renato S. Chiantelli, 2º Secretário – Alan Augusto da Siva santos, 1º Tesoureiro – Pedro Pereira da Silva, 2º Tesoureiro – Izaura Viscardi, Assistente Religioso – João Rosa. Conselho Fiscal: José Faustino Jr., Roseli Maducci Corrêa e Adriano Stofaleti.

Em seu discurso de posse, Newton Zadra fez um retrospecto de todo trabalho infrutífero da Fetcesp para reerguer o COS, o que tinha levado a federação a tomar medidas mais drásticas para buscar solução. A seguir, Zadra explicitou resumidamente qual é o programa de trabalho da nova diretoria, que consiste no seguinte:

  1. a) Saneamento total da entidade, nos campos fiscais, jurídicos, trabalhistas, água, telefone, luz e compromissos assumidos;
  2. b) Verificar se há material humano para reerguer os trabalhos sociais e culturais da sede central e se há um nicho de serviços em que o COS pode se desenvolver;
  3. c) O COS será administrado profissionalmente por uma assistente social ou estagiário de administração de empresas;
  4. d) A Fetcesp vai colaborar com a nova diretoria;
  5. e) Caso não forem avante as opções propostas, o COS poderá se desfazer dos imóveis que possui em Santa Rita e investir na compra de terreno na periferia da cidade, e lá montar outra unidade circulista, como foi feito em Sorocaba.

 

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s